Santiago reúne se com diretor-presidente da Agepen para tratar demandas do porte de arma

Nesta sexta-feira o presidente do Sinsap, André Luiz Santiago esteve na sede da Agepen reunido com o diretor-presidente Aud de Oliveira para tratar algumas demandas dos servidores apresentadas ao Sinsap. Na ocasião Santiago falou sobre a renovação de registro e o porte de armas de uso restrito que não está sendo confeccionado por falto do material. O diretor disse que em relação a renovação do registro, dará celeridade nos processos, para isso será determinado a sua Procuradoria Jurídica que as solicitações para o porte tenham prioridade na avaliação e seja feita a análise final com as permissões cabíveis, após análises já realizadas pela Gerência de Inteligência do Sistema Penitenciário (Gisp).


No encontro ficou definido que, para atender a demanda especifica apresentada pelo Sindicato e liberar as 15 armas que estão detidas por não ter porte, devido a falta do papel-moeda para confecção, será feito um documento provisório de plástico, o mesmo formato usado no porte de arma de uso comum.

 

“Apresentamos as demandas e a Agepen se mostrou solícita as reivindicações, e se propôs em solucionar a situação das armas que estão detidas e assim os servidores terão o direito de garantir sua segurança, já sobre o processo de renovação do registro os trâmites será visto como prioridade pela Agência e a conclusão do processo dependerá da situação de cada servidor, estando tudo conforme determina a lei, brevemente terão o processo concluído”, informa André.