Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária de MS



Com decisão de baixo reajuste salarial Sinsap convoca os agentes para Assembleia Extraordinária


29 Mar 2018

Com decisão de baixo reajuste salarial Sinsap convoca os agentes para Assembleia Extraordinária

Após decisão do reajuste salarial de 3,04 % dada pelo governo de Reinaldo Azambuja, nesta última terça-feira (27), o Sindicato dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul  Sinsap – MS, convoca os funcionários públicos para uma Assembleia Geral Extraordinária, no próximo dia (2), que será realizada no sindicato ás 14:30hs, com objetivo de discutir sobre o Revisão Geral Anual.

 

O governador eleito com a promessa de implantar a melhor política de valorização aos servidores públicos, deixou de honrar seu dever, fazendo com que cerca de 75 mil funcionários públicos acumulem perdas de 16,38% a 20,44% na atual administração.

De acordo com o presidente da Sinsap, André Luiz Santiago,  a reunião é de extrema necessidade, pois trata de descumprimento de campanha e nos reuniremos para encontrar solução de propostas. Nesta semana, os policiais civis voltaram a espalhar o vídeo da entrevista do tucano ao programa, “O Povo na TV, do SBT MS”, em que promete valorização salarial para a categoria, que teria sido abandonada nos últimos 20 anos.

 É nítido e sabido que o atual governo não esta cumprindo com sua promessa, e devemos estar juntos para reverter à situação, disse Santiago, que também apontou o cálculo feito pelo DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) onde a inflação oficial acumulada na gestão do tucano foi de 23,44%, considerando-se o INPC, que mede o custo de vida para família com renda entre um e cinco salários mínimos. Um abono de R$ 100 a R$200, não é reajuste salarial, afirmou.

O Fórum dos Servidores de Mato Grosso do Sul considerou “muito ruim” a proposta de 3,04%, porque não repõe a inflação média de 7,31% nos anos de 2015, 2016 e 2017.

Para o  presidente da ABSSMS (Associação Beneficente dos Subtenentes, Sargentos e Oficiais oriundos do quadro de Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do Estado de Mato Grosso do Sul), Tiago Mônaco, disse que a oferta é muito baixo, e encontram–se decepcionados, pois há de dizer que é “Uma política de muita promessa, muita imposição, pouco diálogo e bastante indiferença”, analisa.


Fonte: ascom

Imprimir Página








Galeria de Imagens
Mural de Recados
Mais Recados


Enquete

Quais as maiores dificuldades no seu dia a dia enquanto profissional?...






      Resultado
Rua Vicentina Coelho Neto, S/N, Quadra 24, Lote 25
Bairro: Vivendas do Parque (Saída para Três Lagoas) - CEP: 79.044-172 / Campo Grande /MS
67 3325-2401
67 3325-2291