Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária de MS



Fórum dos Servidores Públicos anuncia indicativo de greve e retaliações


Karen Andrielly
10 Jul 2017

Fórum dos Servidores Públicos anuncia indicativo de greve e retaliações

Os sindicatos que integram o Fórum de Servidores de Mato Grosso Sul anunciaram na manhã desta segunda-feira (25) indicativo de greve geral a partir do dia 25 de julho, caso o governo não aumente o reajuste linear a todas as categorias de 2,94%.

De acordo com o coordenador geral do Fórum, Fabiano Reis, os servidores estão decepcionados com o percentual apresentado, quando o ideal seria a reposição da inflação, equivalente a 7.45%.

“Vamos fazer indicativo de greve junto à educação no dia 25. Se o governador não nos responder rápido vamos parar o Estado. Ação judicial é a última trincheira”, disse Reis, presidente do Sindjus-MS (Sindicato dos Servidores da Justiça Estadual).

Representantes das entidades sindicais, que afirmam representar mais de 40 mil servidores estaduais, reuniram a imprensa em frente à governadoria para anunciar a greve geral nos mesmos moldes já comunicados pela Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul).

Os sindicalistas acreditam que a informação de que os salários do funcionalismo público poderiam ser parcelados e que o 13º salário estaria prejudicado, são uma estratégia usada pelo governo para desestabilizar as ações conjuntas do Fórum.

Para André do Santiago, presidente do Sinsap (Sindicato dos Agentes Penitenciários) e um dos coordenadores do Fórum, as alegações do governo são apenas especulações, incoerente para quem pretende dar aumento e não pagar em dia. “No Fórum Dialogo em nenhum momento falaram de atraso no 13º”, destacou.

Caso o governo atenda solicitação na Fetems na reunião marcada para a próxima quarta-feira (12), os demais integrantes do Fórum prometem manter o indicativo de greve e adotar outras medidas para cobrar a reposição inflacionária.

 


Fonte: Ascom Fórum dos Servidores

Imprimir Página








Galeria de Imagens

UPB realiza mobilização contra PEC 287

A diretoria do Sinsap participou nesta quarta-feira (08) da mobilização simultânea nos  Aeroportos de Brasília e Campo Grande, contra a reforma da previdência. A ação é uma realização da União dos Policiais do Brasil com o objetivo de chamar a atenção da população para a discussão.

Com faixas e panfletos os manifestantes se reuniram  nesta tarde no Aeroporto Internacional de Campo Grande, para demonstrarem o posicionamento contrário a PEC 287 que aumenta o tempo de contribuição do servidor.

 “Estamos unidos em um só propósito de demonstrar aos governantes que não somos favoráveis a esta reforma, e mais que isso mostrar o tanto que os servidores serão prejudicados e como implicará na qualidade da segurança do servidor”, ressalta o presidente do Sinsap André Luiz Santiago.

08 Fev 2017
Mural de Recados
Mais Recados


Enquete

Quais as maiores dificuldades no seu dia a dia enquanto profissional?...






      Resultado
Rua Vicentina Coelho Neto, S/N, Quadra 24, Lote 25
Bairro: Vivendas do Parque (Saída para Três Lagoas) - CEP: 79.044-172 / Campo Grande /MS
67 3325-2401
67 3325-2291